Se você é mãe, pai ou cuida de crianças, deve estar se descabelando para conseguir ajudar com as aulas remotas, certo?

De fato, este modelo de ensino, emergencial, foi o que as escolas conseguiram fazer dentro do possível, mas está muito longe de substituir as necessidades cognitivas e emocionais de aprendizagem das crianças. 

(Ainda mais considerando os mais de sete meses que se passaram, muito mais do que o esperado!)

No fim das contas, as famílias precisaram assumir uma grande parte da responsabilidade pelo desenvolvimento das crianças, o que pode ser potencializado quando são realizadas as atividades certas. 

Mas… Que atividades são essas? 

São atividades simples, mas de alto impacto na aprendizagem. 

Na fase de alfabetização, por exemplo, as crianças aprendem muito mais em situações contextualizadas, que fazem sentido na vida delas, como quando conhecem o texto de uma receita para cozinhar. 

Isso está no dia a dia, é uma atividade gostosa para toda a família e faz parte da rotina, o que traz muita motivação!

Quer saber mais sobre como a família pode ajudar as crianças no processo de alfabetização?

Venha conhecer a Experiência Ler o Mundo!

Continuamos com o desconto de 50% da Black Friday!

Publicado por:blogleromundo

Somos especialistas em alfabetização e pedagogas. A Bruna também é psicopedagoga e a Paula é escritora.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s